OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Quinta-Feira, 24 de Junho de 2021

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

A elegante articulação do Vice de Covas, Ricardo Nunes

Muitos políticos, vereadores e empresários tem conversado com Nunes na Prefeitura de SP. Foto: divulgação

Por Franklin Ataide dia em OTB no Brasil

A elegante articulação do Vice de Covas, Ricardo Nunes
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador – São Paulo Capital

Enquanto a mídia tem noticiado a piora do quadro de saúde do prefeito de São Paulo, Bruno Covas, embora ele continue trabalhando do hospital, seu vice, Ricardo Nunes tem, com discrição, recebido políticos, representantes de entidades e até vereadores da oposição como Sonaira Fernandes (Republicanos, leia-se bolsonarismo) e Educardo Suplicy (PT).

As demandas tem sido variadas. De diretores da Escola Paulista de Medicina a donos de restaurantes capitaneados por Sonaira que foram questionar medidas de Dória quanto ao fechamento dos comércios devido à pandemia.

Porém, a análise de quem trabalhou com ele é de um político de pauta conservadora, contrário às demandadas LGBT, por exemplo, e com denúncias de violência doméstica de causaram problemas durante a campanha à reeleição de Covas, embora tenham sido depois negadas por sua esposa e também denúncias de ligações com entidades que fazem gestão de creches, embora ele negue quaisquer irregularidades.

Nas conversas ele nega qualquer possibilidade de assumir a cadeira de prefeito, tendo sempre pronto o discurso de que acredita na recuperação de Covas. Não há registro de qualquer menção contrária, demonstrando que cuida com muito cuidado desse delicado assunto, já que, qualquer manifestação descuidada poderia ser interpretada como ansiedade para assumir o cargo.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//