OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Terca-Feira, 12 de Novembro de 2019

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

Bolsonaro deve cobrar devedores da Previdência

Para evitar críticas em relação à grandes devedores durante o processo de aprovação da reforma da previdência, o presidente Jair Bolsonaro deve editar medidas de cobrança.

Por Anderson Luna dia em OTB no Brasil

Bolsonaro deve cobrar devedores da Previdência
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador, 05/02/2019, 16:00 h – São Paulo

Equipe econômica do governo Bolsonaro estuda medidas para aprimorar a recuperação de dívidas com a previdência. A medida tem intenção de evitar críticas quando estiver em negociação a reforma da previdência, já que uma das maiores queixas é que, na reforma se penaliza os trabalhadores, enquanto empresas grandes devedoras permanecem sem cobrança.

O esforço de cobrança está sendo preparado pelas equipes da PGFN – Procuradoria Geral da Fazenda Nacional e a Receita Federal.

Oposição e economistas argumentam que, antes de tornar mais duras as regras de aposentadoria, é preciso cobrar devedores da previdência.

 Uma das estratégias é criar mecanismos de cobrança para devedores contumazes, que criam estratégias para evitar o pagamento dos tributos. Outra frente é proporcionar flexibilidade para que empresas em situação financeira ruim possam negociar seus débitos e, por outro lado, impedir empresas em boa situação financeira de solicitarem refinanciamentos –REFIS - prática comum no mercado.

A OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil endossa as críticas e acredita que é realmente necessário cobrar as dívidas principalmente dos grandes devedores antes de se penalizar a sociedade. Medidas como estas, de endurecimento na cobrança devem ser aliadas a mudanças na fiscalização de maneira a impedir que a formação de grandes dívidas.

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//