OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Quarta-Feira, 13 de Novembro de 2019

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

OTB envia pedido à Cuba

Solicitação é para que o governo cubano reavalie e mantenha a participação do Brasil no Programa Mais Médicos.

Por Anderson Luna dia em Nossos Direitos e Conquistas

OTB envia pedido à Cuba
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador, 17/11/2018, 10:00 h - São Paulo

Em reunião na tarde passada, a diretoria da OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil deliberou o envio de uma mensagem aos líderes cubanos com apelo à manutenção do diálogo diplomático com o Brasil, bem como com a OPAS - Organizaçao Panamericana da Saúde, a fim de que sejam alcançadas condições para que o Programa Mais Médicos continue atendendo a população carente.

No Rio Grande do Norte por exemplo, cidades podem ficar sem médicos, são elas Bodó, Taboleiro Grande, Timbaúba dos Batistas, Vila Flor, que têm um profissional cada; além de Jardim de Angicos, Riacho de Santana, São Francisco do Oeste e Itajá, que contam com dois médicos cubanos cada uma.

A OTB concorda com o atual governo brasileiro que existem pontos do programa que precisam ser revistos, porém a saída dos médicos das regiões interioranas, áreas indígenas e periferias das grandes cidades brasileiras tem alcance para diminuir a qualidade de vida de muitos cidadãos.

 

ÍNTEGRA:

São Paulo, 16 de novembro de 2018.


À
EMBAIXADA DE CUBA EM BRASÍLIA
EXMA. SENHORA EMBAIXADORA
MARIELENA RUIZ CAPOTE


Assunto: Programa Mais Médico no Brasil


Senhora Embaixadora,


Mui respeitosamente, esta ORDEM DOS TRABALHADORES DO BRASIL - OTB, dirige-se à Vossa Excelência, para exprimir profundo apelo no que tange ao Programa Mais Médicos: A sociedade brasileira reconhece e tem imenso respeito ao Programa Mais Médicos no Brasil. Este programa, desde seu lançamento em 2013 tem suprido a carência de profissionais de medicina no interior, áreas indígenas e nas periferias das grandes cidades brasileiras. No decorrer dos 5 anos de atuação, cerca de 20 mil médicos cubanos atenderam mais 113 milhões de brasileiros, em mais de 3.600 municípios.


Ainda em 2013, a Organização Mundial da Saúde, manifestou entusiasmo ao programa, assim como posteriormente, os brasileiros de maneira geral, reconheceram a importância e passaram a apreciar as virtudes dos trabalhadores cubanos sobre o prisma de conquista social.

É com tristeza que a OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil recebe a informação da retirada de Cuba do Programa Mais Médicos. Destarte, manifestamos expressamente um apelo, para que o diálogo diplomático entre CUBA, BRASIL e OPAS - ORGANIZAÇÃO PANAMERICANA DA SAÚDE seja restabelecido para solucionar questões acerca dos termos e condições do programa.


Colocamo-nos à disposição para contribuir e nesta oportunidade apresentamos nosso protesto de elevada estima e distinta consideração.


Cordialmente,


(assinado digitalmente)
ANDERSON LUNA
PRESIDENTE DA OTB

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//