OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Quarta-Feira, 20 de Novembro de 2019

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

OTB quer suspensão do pagamento de salário-esposa

São Paulo – O reajuste do benefício foi aprovado somente para a elite do funcionalismo, pela Câmara Municipal , junto com uma série de outras regalias.

Por Anderson Luna dia em Nossos Direitos e Conquistas

OTB quer suspensão do pagamento de salário-esposa
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador, 04/07/2018, 13:00 h - São Paulo

Corre na justiça ação pública que pede a suspensão do pagamento de salário-esposa pela Prefeitura de São Paulo e órgãos da administração direta. O gasto com este benefício foi de R$652.083,39 em 2017.

O pacote de reajuste vale somente para os servidores da Câmara Municipal e Tribunal de Contas do Município. Os demais servidores continuam sem qualquer reajuste nos salários.

O reajuste foi aprovado pela Câmara Municipal junto com um pacote de benefícios. A suspensão depende da concessão de liminar da justiça e vários são os motivos para sua suspensão: abre precedente para remunerar de maneira desigual casados e solteiros; existe salário-esposa e não existe salário-marido.

A Constituição afirma que não se pode remunerar de maneira discriminatória por qualquer motivo.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//