OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Sexta-Feira, 22 de Novembro de 2019

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

Reajuste abaixo da inflação e o SPC

São 18 milhões de endividados com idade dos 50 aos 84 anos. Reajuste zero também é realidade para servidores da prefeitura de São Paulo.

Por Anderson Luna dia em Nossos Direitos e Conquistas

Reajuste abaixo da inflação e o SPC
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador, 22/10/2018, 16:00 h – São Paulo

No mês de setembro o SPC – Serviço de Proteção ao Crédito informou 18,3 milhões de pessoas incluídas no registro de restrição com idade entre 50 e 84 anos. Levando em consideração todas as idades, são 62,4 milhões de brasileiros com nome sujo.

Os aposentados estão entre os que mais sofrem. Com o INSS – Instituto Nacional do Seguro Social concedendo reajustes abaixo da inflação, idosos não tem condições de honrar seus compromissos ou mesmo de comprar medicamentos.

Pior é a situação dos servidores públicos da Prefeitura de São Paulo que sofrem há mais de uma década com reajuste zero. São vários prefeitos que renovam este pacto de não reajustar os salários dos servidores, deixando muitos em situação de penúria.

Há relatos de servidores passando fome, despejados de suas residências e com problemas para educar os filhos.

As eleições são oportunas para debater temas como estes. A OTB entende que os aposentados e os servidores públicos devem ser protegidos e não são, de maneira alguma, vilões da economia.

Ao futuro dirigente, pedimos atenção à esta parcela da população que tanto fez pelo país e que merece ter paz e dignidade.

Ao prefeito de São Paulo, Bruno Covas, pedimos a revisão da Lei Salarial e urgente restauração do poder de compra dos salários dos servidores, em especial dos integrantes dos níveis médio e básico que tanto sofrem com o abandono.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//