OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Sexta-Feira, 15 de Novembro de 2019

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

Reforma trabalhista já causa demissões

Bradesco e Caixa Econômica anunciaram - imediatamente após aprovação da reforma trabalhista - seus PDV-Plano de Demissão Voluntária. Somente no Bradesco é esperada a demissão de 10 mil funcionários.

Por Paulo Campos dia em Nossos Direitos e Conquistas

Reforma trabalhista já causa demissões
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador, 17/07/2017, 14:00 – São Paulo – Foram anunciados nesta quinta-feira, 13, os PDVs- Planos de Demissão Voluntária, tanto do Banco Bradesco, quanto da Caixa Econômica Federal. Grandes empresas demonstram que já estavam organizadas para se valer das novas regras.

A Caixa estima que mais de 5 mil servidores aceitarão a proposta. Continuando assim, o nível de desemprego atingirá níveis inéditos.

O Banco Bradesco, que havia se comprometido com a categoria dos bancários que não haveria demissões após a compra do Banco HSBC, voltou atrás e, além de anunciar o PDV, fechou, somente no primeiro semestre deste ano, 192 agências.

O Bradesco não divulgou as regras para adesão ao Programa, mas espera adesão de cerca de 10 mil funcionários.

Na Caixa, poderão aderir funcionários com mais de 15 anos de trabalho, aposentados (exceto por invalidez), os aptos à aposentadoria até o último dia de 2017 ou os que tenham adicionais por função ou confiança ou cargo.

Será paga indenização em parcela única de dez remunerações base do empregado (com limite de 500 mil reais). Os trabalhadores permanecerão com plano de saúde desde que atendam a alguns requisitos. Para os demais a permanência será por 24 meses, sem prorrogação.

 

 

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//