OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Sexta-Feira, 29 de Maio de 2020

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

São Paulo deve proibir população de sair às ruas na próxima semana

Lockdown está em discussão entre Governo do Estado e Prefeitura de São Paulo, diante do avanço da pandemia, do número de mortos que não para de subir e do colapso dos sistemas de saúde. Foto: DP

Por Paulo Campos dia em Nossos Direitos e Conquistas

São Paulo deve proibir população de sair às ruas na próxima semana
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador – São Paulo (Capital)

Embora a possibilidade do anúncio hoje (15), pelos governo estadual e municipal de São Paulo, do lockdown, que é o impedimento total  da circulação de pessoas pela cidade, com exceção de idas ao mercado e farmácia, seja remoto, o Centro de Contingência ao coronavírus já ponderou, em duas reuniões com autoridades que vai ser necessário o endurecimento das medidas de restrição à circulação na região metropolitana da capital.

Diante do descontrole da pandemia, Bruno Covas e João Dória (ambos do PSDB) iniciaram as conversas sobre o fechamento total da Capital e das cidades do entorno.

A previsão é que, após debates no fim de semana, durante a próxima semana seja inevitável a implementação da medida.

Embora o Coordenador do Centro de Contingência, Dimas Covas, esteja convencido da necessidade do fechamento total, existem divergências dentro do Palácio dos Bandeirantes (e também dentro da Prefeitura de São Paulo), além da pressão de empresários que querem justamente o contrário, ou seja, o retorno das pessoas ao trabalho.

Cerne desta questão é o colapso do sistema público e privado de saúde, que já está no limite. Outro fator que pressiona pelo lockdown é o número alarmante de mortos que chegou a 844 em apenas um dia no país. Única maneira incontestável de redução de contágio (e mortes) o fechamento total das cidades é, segundo diversas autoridades, questão de tempo.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//