OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Quarta-Feira, 30 de Setembro de 2020

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

Servidores com salários congelados enfrentam inflação galopante

Alta no setor de alimentos é quatro vezes o índice da inflação oficial. Foto: Cruzeiro do Sul

Por Paulo Campos dia em OTB no Brasil

Servidores com salários congelados enfrentam inflação galopante
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador – São Paulo

Segundo a Associação Paulista de Supermercados, de janeiro a julho, os preços de alimentos teve alta de 4,98%, enquanto a consultoria MB Agro estima que a inflação dos alimentos pode ultrapassar 8% este ano. Enquanto servidores públicos tem seus salários congelados, a alta pode ser sentida nos supermercados onde um pacote de 5 quilos de arroz ultrapassou os 25 reais.

O monstro da inflação, que assombrou o país num passado recente, está de volta. Devido à políticas equivocadas, às sanções norte-americanas à China, a desvalorização do real, a paralisação das indústrias devido à pandemia, tudo colaborou para a alta dos preços.

Além do arroz, que aumentou 41%, a carne de porco aumentou 67%, o óleo de soja 27% e o milho 20%. Avaliando os últimos 12 meses, todos os alimentos pesquisados tiveram alta acima de 40% durante o governo Bolsonaro, sendo que arroz dobrou de preço.

Embora o auxílio emergencial tenha minimizado os efeitos da alta de preços sobre a população mais pobre, quando este beneficio terminar, seus efeitos serão mais sentidos justamente pela parcela da população mais carente.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//