OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil        Terca-Feira, 04 de Agosto de 2020

OTB - Ordem dos Trabalhadores do Brasil - Trabalhando pelos direitos dos Trabalhadores

Servidores ficam sem salários, exceto profissionais da saúde e segurança

Governo de Minas Gerais não tem previsão da data do pagamento dos servidores públicos. Foto: Romeu Zema 0 Governador de Minas Gerais, Wikipedia

Por Paulo Campos dia em Nossos Direitos e Conquistas

Servidores ficam sem salários, exceto profissionais da saúde e segurança
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Agência Trabalhador – Belo Horizonte

O governador Romeu Zema (NOVO) do estado de Minas Gerais, afirmou que não vai conseguir pagar os salários dos servidores ontem (7). Ele pediu desculpas aos funcionários.

Ele afirmou ainda que não consegue prever quando serão feitos os pagamentos por inexistirem recursos nos cofres públicos.

Entretanto, servidores das áreas da saúde e segurança pública, considerados essenciais neste momento de combate à COVID-19, receberão os salários na próxima quinta-feira. Os demais, afirmou o governador, receberão “assim que for possível”.

Ele explicou que a o motivo é a queda abrupta da arrecadação. “Nos últimos 15, 20 dias, assistimos a uma situação totalmente excepcional e imprevisível... com isso passamos a não ter condição de prever”.

Cerca de 15% dos servidores não recebeu o 13º salário. Zema aposta na venda dos créditos do nióbio à CODEMIG – Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais, para pagar os salários e o 13º atrasado.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Deixe seu comentário aqui:

//